Fistula perianal complexa – lei Goodsal-Salmon

Fistula perianal complexa foi o caso clínico enviado pela paciente para o meu WhatsApp:

Conceito de fistula perianal complexa: Sao fistulas perianais com varios orifícios na pele perianal e os seus trajetos são profundos e curvilíneos como descrita pela paciente no caso clínico abaixo:

Caso clínico sobre fistula perianal complexa enviado e respondido com figuras e links para sites, blogs e vídeos educativos do médico proctologista Dr Paulo Branco:

Fistula perianal:

– Conceito: Uma fistula anal é um trajeto que se forma após a drenagem de secreção purulenta de um foco supurativo ou abscesso perianal secundário a infecção previa pelas bactérias das fezes de uma das 12 glândulas anais.

– Causas das fistulas anais:

O trauma criptoglandular representa 80% das causas da formação do abscesso perianal e da fistula perianal que poderá ser pelas causas descritas na figura abaixo.

– Sintomas das fistulas perianais:

Os pacientes geralmente referem terem feito a drenagem expontânea ou cirúrgica de um abscesso perianal e passam a eliminar a secreção através de um orifício externo na pele da nadega ou mesmo por um orifício interno para dentro do canal anal com eliminação pela abertura anal e acompanhado ou não de um ardência e coceira na pele perianal.

– Diagnostico das fistulas perianais:

Será confirmado pela tríade:

História de drenagem de um abscesso perianal;

Presença de um orifício na pele perianal;

Palpação de um cordão fibroso a partir do orifício externo na direção da abertura anal.

Figura abaixo:

– Exames Radiológicos para as fistulas perianais simples e complexas:

Ultrassom e Ressonância magnética:

– Classificação:

Formação:

Completa: Quando e formada pelos orifícios interno e externo e o trajeto.

Incompleta: Quando não achamos um dos seus orifícios.

Músculo: Saber a relação do trajeto da fistula perianal em relação com os músculos anais será de grande importância para prevenir complicações como aIncontinência anal.

Orifícios:

Simples: único orifício.

Complexa: Mais de um orifício com trajeto sinuoso.

Fistula complexa:

Aplica a Lei de GOODSALL – SALMON

Objetivo: Identificar o orifício interno da fistula perianal.

– Tratamentos da fistula perianal:

SETON:

PLUG:

Cirurgia fechada com laser:

Duas fistulas:

Vejam a identificação completa das duas fistulas perianais com o guia metálico que idealizei não havendo possibilidade da retirada parcial do trajeto da fistula, evita-se a incontinência anal e exterioriza ao máximo a papila anal comprometida:

Figura abaixo:

About the Author:

Leave A Comment

Agende sua consulta agora mesmo!

Marque sua Consulta pelo Whatsapp!